"Poeta da Colina - Um Romântico no Século XXI"

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

“Insolúvel”(14/09/2017)

Eu adoraria dizer que sim
Que encontrei solução
Que me trouxe paz

Meu olhos podem contar mais
Minhas memórias são felizes
A expectativa foi errada

A gente esquece de ser
No meio desse negócio de procurar
A gente não sente o sabor
Sem se deixar levar

Eu sou um traçador de planos
Em uma vida sem programação
Na cidade onde chove e faz Sol

Queria um mero propósito
Queria me dar sentido
Queria uma bússola de sonhos

As escolhas vivem na liberdade
Além dos limites desenhados
A verdade reside no inconsciente
Na espera que possa aceitá-la

A vida não é só reagir
A vida não é só planejar
É um agora misturado com depois

É preciso dividir céu e maré
Manter o desejo em vista
Sem tirar o olho do que pode chegar

Eu não posso dizer que sim
Mas posso apontar o começo
Cada um tem um caminho para sair
O meu é o verso

Ass: Danilo Mendonça Martinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário