"Poeta da Colina - Um Romântico no Século XXI"

sábado, 11 de fevereiro de 2017

“Reset” (17/01/2016)

Eu não entendo essa vontade
Se eu sei que é em frente
Se eu quero continuar insistindo
Se a felicidade se escondeu no depois
Para que me entregar ao tempo?
Largar no sofá as esperanças
Esquecer no silêncio nosso rosto

Não entendo a dificuldade de lutar
Foi engano a renovação da alma?
O dever não ficou de lado?
Não entendo essas amarras
Fugir do próprio pensamento
Basta hesitar para desistir

Construímos verdades
Acreditamos na nossa imagem
E agora que nos desmentimos
Precisamos desfazer nossa fé
E lembrar todos os dias quem somos

Ass: Danilo Mendonça Martinho

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

“Improbabilidade” (16/01/2017)

Logo nós que estávamos tão certos
Logo nós de convicções e sonhos
Logo nós que encontramos a felicidade
Logo nós que sempre soubemos a vocação
Logo nós que tínhamos um plano
Logo nós que teríamos dinheiro
Logo nós que tínhamos prestígio
Logo nós de estudos e teses
Logo nós cansados das mesmices
Logo nós revolucionários da arte
Logo nós que temos tantas opiniões
Logo nós tão diferentes dos nossos pais
Logo nós de família estável
Logo nós de amigos fartos
Logo nós cheios de elogios
Logo nós cercados de boa vontade
Logo nós formados com louvor
Logo nós casados e com amor
Logo nós bem alimentados
Logo nós que lemos tantos livros
Logo nós que temos casa e carro
Logo nós viajados pelo mundo
Logo nós com casa no interior
Logo nós que visitamos museus
Logo nós que vemos teatro
Logo nós apreciadores da “boa música”
Logo nós conhecedores da história
Logo nós com tanta cultura
Logo nós amigos do ambiente
Logo nós cidadãos conscientes
Logo nós cheios de fé
Logo nós senhores do nosso destino
Logo nós bem vestidos
Logo nós pagadores de impostos
Logo nós voluntários
Logo nós trabalhadores
Logo nós de sanidade plena
Logo nós que damos risada
Logo nós que achamos a felicidade
Logo nós que somos sensíveis
Logo nós que damos abraços
Logo nós que escutamos
Logo nós capazes de entender
Logo nós que vemos TV
Logo nós que lemos jornais
Logo nós que sabemos inglês
Logo nós que usamos plural
Logo nós com varanda gourmet
Logo nós que sabemos a verdade
Logo nós jogadores da loteria
Logo nós céticos e convencionais
Logo nós defensores das liberdades
Logo nós evoluídos e progressistas
Logo nós que tomamos um bom café da manhã
Logo nós visionários de um mundo melhor
Logo nós tão bem preparados
Logo nós que acreditamos na vida
Logo nós que fizemos trinta anos
Sem saber quem somos, para onde ir e o que fazer
Logo nós....

Ass: Danilo Mendonça Martinho