segunda-feira, 4 de abril de 2011

“Cru” (31/03/2011)

A vida é um quadro que perde a cor
Uma infância que cresce
A inocência que vira dor
Um amor que padece

A vida é uma propriedade sem posse
Um horizonte sem nome
Certezas sem garantias
Uma esperança que morre

A vida é um caminho sem volta
A palavra efêmera
O sentimento que esgota
O sonho que acorda

A vida é
Até te levar isso também

Ass: Danilo Mendonça Martinho

18 comentários:

  1. Pra mim a vida é arte e há de se apreciar e sentir, como também há de se entregar e afrontar. rs
    bacio

    ResponderExcluir
  2. Encantador teu espaço, esqueci das horas aqui...

    Obrigada pela visita ao blog Danilo, seja sempre bem-vindo.

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. A vida nasceu pra tudo, menos pra ser entendida, assim como os sentimentos. Belo texto.

    ResponderExcluir
  4. A vida é a construção eterna de palavras nuas e cruas! rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. “Sei que todos algum dia acordamos com a senhora desilusão sentada na beira da cama.
    Mas a gente vai à luta e inventa um novo sonho, uma esperança, mesmo recauchutada:
    Vale tudo menos chorar tempo demais.
    Pois sempre há coisas boas para pensar.
    Algumas se realizam. Crianças sabem disso.”

    Beijão pra ti
    Bom dia ;)

    ResponderExcluir
  6. Ah a vida, nua e crua.
    Um grande abraço,

    Ana M.

    ResponderExcluir
  7. Faz mais sentido quando parece ter sido pra nós ou por nós.

    Alguns concordam que o que se faz na vida é procurar significados que dificilmente serão encontrados. Mas isso parece como uma viagem sem volta para o nada, tornando-se não muito inteligente repetir o caminho que muitos trilharam.

    Só que, o que fazemos sem deixar agir o instinto pelas respostas? Mentes inquietas são irreversíveis.

    ResponderExcluir
  8. A cada dia que passa, de todas as formas, por todos os meios, ficamos mais fracos...

    ResponderExcluir
  9. Muito bom te ler...Saio daqui renovada, com sabor de poesia, pulsando, à flor da pele...

    ResponderExcluir
  10. a vida é a escolha de acreditar.

    ResponderExcluir
  11. A vida e sua dialética...belo blog!

    ResponderExcluir
  12. E também é aquilo que passa enquanto pensamos demais, ponderamos demais...ai, ai.

    * Passando para conhecer teu blog. ;)

    ResponderExcluir
  13. a vida, pra mim, não leva nada, ela simplesmente nos leva.

    ResponderExcluir