"Poeta da Colina - Um Romântico no Século XXI"

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

“Alegria” (10/09/2010)

Há um céu azul
Abençoando minha alegria
Não há uma palavra de dor
Um verso de revolta se quer

O porém é que a alegria é individual
Não posso compartilhar um sorriso
Você entende a minha dor
Mas não minha felicidade

A dor é universal
A amizade feita para vários
O amor é para dois
A felicidade para solidão

Há um céu azul imenso
Jamais poderei descrevê-lo
Minha alegria é um quadro
Que não posso vender

Ass: Danilo Mendonça Martinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário