"Poeta da Colina - Um Romântico no Século XXI"

quarta-feira, 10 de março de 2010

“?” (06/03/2009)




O que será então
Quando for tarde demais
Quando o fim chegar
Quando o raio cair
O romance morrer
E a verdade mentir
As forças acabarem
Os muros cederem
Os sonhos morrerem
As palavras perderem a voz
E quadro, a cor.

Quem seremos então
Quando sem limites
Quando sem regras
Quando sem alma
Sem escrúpulos ou pudores
Preocupação ou solidariedade
Sem aliados ou fronteiras
Diálogos e acordos
Coração e humanidade
Quando apenas animais

O que será do mundo
Diante nossos medos
O que será de nós
Sem nossos sonhos

Ass: Danilo Mendonça Martinho

Um comentário:

  1. nao seremos nada, nao seremos ninguem...

    teremos que começar tudo de novo, aprender a confiar um no outro, a amar, a sonhar.

    ResponderExcluir