quarta-feira, 11 de março de 2009

"Vivo por isso" (11/03/2009)




Acorda e vai ser feliz
O mundo está lá fora
Por mais que você sonhe
Por mais que você deseje
A vida mora nesta brecha entre as coisas
As que podem dar certo
As que podem dar errado
A vida mora exatamente ali
No extravagante e extraordinário
Onde você ainda não imaginou.
Toda graça está em descobrir
Em por o pé pra fora
Em abrir os sorrisos
Abraçar o que lhe é real
Se não for para isso fica na cama
Dorme até amanhã.

Pondera com seu coração
Argumenta com sua consciência
Eles irão te ouvir.
Tudo que a gente precisa é algo dando certo
Já estamos prontos para acreditar neste mundo
Então vai conquistar tua felicidade
Na rua que observa como se não fizesse parte.
Você ficaria impressionado com as coisas que pode.
Como você pode se evitar?
Evitar uma inspiração, uma vontade,
Um ímpeto, uma sinapse que seja?
Pare, pare de negar
Pare de analisar o que não muda mais
Ainda tem mais passos para dar nessa estrada

Construiremos sempre muros de medos
Portas de angústias e janelas de fracassos
Mas se você ainda puder ver o horizonte...
Arranca essa armadura
Coloque a cara a tapa, sangre, mas viva!
Feche os olhos tome sol, tome chuva, sinta!
O mundo é o que está a flor da pele
É o que remexe seu estomago de ponta cabeça.
Se você algum dia já sorriu sozinho
Já gargalhou apenas com uma lembrança
Está dentro de você.
Já é mais teu do que sabes.
Talvez, e somente isso,
Tudo que ela queira, seja o mesmo que você.
Ser feliz!
Ah, meu caro, Acorda!

Ass: Danilo Mendonça Martinho

Um comentário: